sexta-feira, novembro 02, 2012


«Gosto do impossível, tenho medo do provável, rio do ridículo e choro porque tenho vontade, mas nem sempre tenho motivo. Sou inconstante e talvez imprevisível. Não gosto da rotina. Amo de verdade aqueles a quem o digo e irrito-me de forma inexplicável quando não acreditam nas minhas palavras. 
Nem sempre coloco em prática aquilo que julgo certo e são poucas as pessoas para quem eu me explico...»
Bob Marley‎

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial